Parque do Catimbau vai ser palco de produção cinematográfica

No último domingo (21), Buíque recebeu a visita do diretor de cinema e preparador de atores, Thiago Greco, e da atriz Alexya Freire. Os dois foram recebidos pelo prefeito do município, Arquimedes Valença; e pela Secretária de Assistência Social, Teófila Valença. Os dois vieram anunciar a produção de um filme no município, tendo como palco o Parque Nacional do Catimbau. Para o prefeito, uma grande oportunidade para o turismo local.

“Tivemos o privilégio de receber o diretor de cinema Thiago Greco a a atriz Alexya Freire, para conversarmos sobre o filme Penhasco que será gravado no Catimbau, o qual trará uma grande visibilidade a nossa região, movimentando o comércio, gerando empregos temporários e levando nossa arte e cultura para o mundo”, afirmou o prefeito.

Durante a visita, o cineasta teve uma conversa com o prefeito quando trouxe mais detalhes da produção sobre o filme “Penhasco”, ressaltando os impactos econômicos e a visibilidade que essa produção dará as belezas do parque, destacando a força turística da Capital Pernambucana da Arte Rupestre que conta com o segundo maior Parque Arqueológico do Brasil. Greco destacou as belezas do parque e a grandeza da cidade para projetos futuros.

“Agora a gente começou a levantar toda essa pré do filme, a fazer com que esse filho (filme) ‘nasça’. É uma região que eu não conhecia e várias pessoas que eu conheço, não conhecem também. Tem um turismo ecológico incrível, o parque é incrível…O filme é exatamente para mostrar essa parte, também mostrar a cidade de Buíque; mostrar como essa cidade é uma cidade grande nesse sentido de trazer essa cultura cada vez mais; trazer o audiovisual mais para essa cidade e porque não estender a outros projetos culturais aqui dentro de cidade que acho que tem um futuro incrível”, afirmou.

Presentes também ao encontro a secretária Adjunta de Turismo, Alessandra Queiroz; Duda Resende (Juventude), Maria Clara Valença e Rian Monteiro.

Thiago Greco é diretor, preparador de atores, produtor, proprietário e professor do Núcleo TG (uma incubadora artística no Rio de Janeiro), voltado para o desenvolvimento de projetos e a reciclagem de atores.

Trabalha com preparação de atores há 10 anos e participou da equipe de preparação de mais de 8 filmes. Seus últimos trabalhos são os filmes “Solteira quase Surtando” e “Turbulência”. Está à frente da preparação de elenco do projeto da série “Todos os Santos”. Dirigiu os filmes “A Intrigante Arte de Comungar” e “O Drinque” e dirigiu os atores no filme “A Diegese Rompida”.

Trabalhos mais recentes que dirigiu no teatro foram os espetáculos “A Pastora do Lixão” (vencedor do troféu Rosamaria Murtinho no Festival de Esquetes como melhor esquete e melhor atriz) e “Oi, Quer Teclar”.

Postado em Cultura, Turismo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.