Buíque celebra seus 167 anos de Emancipação com pronunciamento oficial

Buíque celebra seus 167 anos de Emancipação com pronunciamento oficial

Pela primeira vez em décadas, o município de Buíque celebrou seu aniversário de emancipação política sem festividades e sem o tradicional hasteamento da bandeira. O motivo foi o aumento dos casos da pandemia da Covid-19 que vem atingindo todo o estado e também o município, que registrou em apenas dois dias 61 novos casos da doença.

Para marcar a data, o prefeito do município Arquimedes Valença fez um pronunciamento, exatamente às 08h00, alusivo as celebrações dos 167 anos da emancipação. Com uma mensagem de conforto as famílias das vítimas da Covid, alertou a população para os perigos do novo coronavírus, que tantas vítimas já fez no Brasil (428 mil).

“Hoje nós estamos comemorando, como todos nós sabemos, de uma forma totalmente diferente de todos os outros anos…Muitas coisas não são mais como eram antes, muitas não acontecem mais como tempos atrás. As famílias que perderam seus entes queridos, nosso abraço a todas, nossos sentimentos, dizer que lamentamos muito”, disse lembrando que também foi infectado pelo vírus e precisou ser internado.

Na sequência de sua fala, o prefeito reafirma o compromisso de continuar trabalhando pelo crescimento e desenvolvimento de Buíque, pregando a união em favor do município e a luta permanente em defesa da vida e contra a pandemia.

“Nesse momento em que estamos vivenciando essa pandemia, as nossas atenções serão voltadas quase que 100% para o combate a essa doença para que agente possa minimizar um pouco os problemas de cada um daqueles que passam neste momento por esse transtorno, essa pandemia”, afirmou. Lembrou que vários setores como a economia, a sociedade, a vida diária dos cidadãos e cidadãs também sofrem com a Covid-19 que vem afetando todo o município.

No pronunciamento, o prefeito Arquimedes Valença lembrou que ainda em 2020, no auge da pandemia do ano passado, conseguiu inaugurar o novo Hospital Municipal Maria Deci Macedo Valença que tanto vem atendendo a população neste momento tão difícil da saúde da população.

Finalizou dizendo que este ano, devido a Covid-19, não convidou ninguém para a realização das tradicionais solenidades da Emancipação, que foram canceladas.

“Achamos inadequado, que não era o momento de agente estar reunido comemorando certos atos. É momento de estamos restritos, se protegendo e protegendo a todos. Diante de tudo quero parabenizar a nossa cidade, nosso município, pela sua data tão importante que não pudemos comemorar festivamente; mas, agente aqui quer reassumir o compromisso com toda a população de Buíque para continuar lutando, trabalhando, para o desenvolvimento e para o progresso de nosso município e de nossa gente”, finalizou.

Sobre o autor

Profissional de Mídia e Assessoria de Imprensa.

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TAMANHO DE FONTE
CONTRASTE