O sentimento de patriotismo que tomou conta de Buíque

Dizem os especialistas que ser resiliente é ter a capacidade de se recobrar facilmente ou se  adaptar a má sorte ou às mudanças. Enquanto muitas cidades do Brasil diante da crise que assola o país não tiveram perspectivas em comemorar a Independência do Brasil, em Buíque houve um show de patriotismo, de esperança e de renovação.

A Prefeitura de Buíque preparou uma maratona de eventos para que a população tivesse orgulho de ser cidadão. Aos primeiros raios solares, os buiquenses, acordaram com os fogos da Alvorada festiva. Em seguida, às 8h, na frente do Palácio Municipal a BAMBU (Banda Municipal de Buíque) fez a abertura da Solenidade de Hasteamento das Bandeiras. Logo após houve a apresentação cultural com os Quilombolas da comunidade Mundo Novo, representando a cultura afrodescendente com o samba de coco e a Capoeira. Ainda tivemos a apresentação dos Índios Kapinawá de Buíque com sua dança típica. Dando continuidade vieram os discursos das autoridades ressaltando as conquistas desses últimos meses no município, justamente nesse ponto é que Buíque foi às ruas comemorar o dia 07 de Setembro. Enquanto tantas pessoas pelo país a fora desistem, Buíque comemora como há muito tempo não se via. E, assim a Banda municipal encerrou o momento.

No entanto, o brilho veio no período da tarde, pais, alunos, escolas, populares e Governo todos juntos em uma só causa. A união de um povo resiliente, mostra a força que tem. Mesmo com as dificuldades em que o país se encontra, Buíque deu um show de esperança, nem parecia um povo que já apresentou o pior IDH do país. Isso é resultado dos últimos dias de competência e responsabilidade de uma Gestão que está dando as condições básicas aos cidadãos. Os pais de tantos alunos estão de parabéns pelo esforço contínuo em buscar o melhor pelos seus filhos, as escolas em geral lutaram dias antes e correram contra o tempo para sentir orgulho em apresentar seus alunos a altura de um Desfile Cívico, a população esteve presente em massa para prestigiar tantos esforços. E, principalmente a Prefeitura de Buíque que mesmo com as dificuldades de uma crise acredita que dias melhores virão e passa isso para o município. A Secretaria de Turismo Cultura e Esporte brilhou em toda a organização e parceria com a Secretaria de Educação. O Governo esteve presente em todos os momentos, desde o início até a última apresentação. E, através de um projeto responsável, foi possível que a Secretaria de Finanças viabilizasse um Desfile Cívico a altura do povo, onde cerca de vinte escolas pudessem passar em um corredor montado no centro da cidade. O início da tarde foi marcado com a marcha de mais de cem índios fazendo a abertura do evento com suas reivindicações, dia histórico com realmente a história viva do país, em seguida a Banda Municipal fez a abertura Oficial do Desfile Cívico. Em uma estrutura de palco, iluminação e som, todas as escolas puderam brilhar. Certamente um momento único que marcará a vida de muitos. Graças a sensibilidade da atual Gestão, Buíque mostra para todo o Brasil a importância de ter a esperança renovada. O sorriso da força, da garra e do entusiasmo de um povo que não desiste nunca é a marca simbólica das conquistas que ainda virão.

Prefeitura de Buíque compra instrumentos musicais para a Banda Municipal

Há anos que Buíque não tinha o orgulho de ver apresentações da BAMBU ( Banda Municipal de Buíque), ao iniciar o ano foi constatado que não havia um instrumento musical. Mas, a Prefeitura de Buíque se comprometeu a levantar a Banda Municipal, dando oportunidade aos músicos buiquenses de aprender a tocar instrumentos e trazer mais uma vez para o município o orgulho suprimido.

Na manhã desta sexta-feira foram entregues cerca de setenta e dois itens entre instrumentos e equipamentos musicais, um investimento de mais de sessenta mil reais. Com isso, jovens poderão se tornar grandes profissionais da música, já que os equipamentos são de alta qualidade, inclusive por esse motivo foram comprados em Minas Gerais, pois em Pernambuco não tinha instrumentos desse porte.

A Secretaria de Finanças informou que os instrumentos foi fruto de um investimento responsável, pensando em dar uma oportunidade de melhorar de vida no município. Já a Secretaria de Turismo, Cultura, Esporte e Lazer tem certeza que o investimento é essencial para que Buíque tenha uma cultura própria e rica nos próximos anos, pois a intenção é que se forme uma filarmônica que possa se apresentar em outros municípios. A BAMBU conta com as instruções de dois Maestros, trinta e oito componentes e dezessete pessoas na Comissão de Frente. A banda vinha ensaiando com instrumentos musicais emprestados, agora com a chegada dos novos instrumentos terão mais tempo disponível para os ensaios que culminará no dia 7 de setembro no Desfile Cívico. Sua primeira apresentação será às 8h, no Hasteamento das Bandeiras na frente da Sede da Prefeitura.

Essa é mais uma vitória para o povo buiquense, é o resultado de uma Gestão competente e compromissada com os jovens, com o futuro e com a dignidade do seu povo.