Secretaria de Saúde vivencia o Setembro Amarelo

A Prefeitura de Buíque em parceria com a Secretaria de Saúde e através do CAPS (Centro de Atenção Psicossocial) está vivenciando o Setembro Amarelo que é uma referência ao trabalho desenvolvido na Saúde sobre o combate ao suicídio.

Na manhã desta quarta-feira (20), foi organizada uma caminhada pelas ruas da cidade em busca de mostrar a importância da valorização das relações humanas em diversos aspectos sociais. Pensando em mostrar a grande diferença que faz uma conversa, um ato ou uma ajuda que possa resgatar vidas que não encontram forças, a Secretaria de Saúde está de prontidão em suas unidades e equipes para receber os desafios sociais que surgem na sociedade. Dessa forma promoveu um momento de atenção para a causa de combate ao suicídio que é trabalhado no mês de Setembro.

O trajeto teve início às 10h, saindo do CAPS e seguindo até a Praça Major França. Equipes de saúde acompanharam os usuários do programa até o final do evento. Essa Campanha de Combate ao Suicídio é Mundial e acontece sempre no mês de setembro de cada ano e teve início no ano de 2015.

O CAPS é aberto à toda comunidade e realiza atendimentos a pessoas com transtornos mentais graves e atualmente cerca de 130 usuários são inscritos no programa.

Famílias carentes recebem cobertores na Campanha Aquecendo Vidas

Na tarde desta terça-feira (29) a Prefeitura de Buíque, através da Secretaria de Assistência Social, entregou a famílias carentes cobertores pela campanha intitulada “Buíque Aquecendo vidas”. Para esse projeto foram distribuídos ao todo até agora cerca de três mil cobertores e mais de cem colchões.

O projeto teve início na sede do município e se estendeu pela zona rural. Dessa vez, o povoado Amaro e sítio Barreiras foram as regiões contempladas. A partir de cadastros feitos pela Assistência Social com o apoio de escolas e visitas das assistentes sociais puderam mapear as famílias que estavam com extrema necessidade. Na maior parte dos beneficiados numa mesma casa moram muitas crianças que estavam passando muito frio. Através do CRAS e CREAS foram identificadas as maiores necessidades e o mapeamento conta com pesquisa sobre a situação de moradia, água e luz. Além de orientar sobre a importância do Cadastro Único.

O desejo da Secretaria de Assistência Social era atender a todos. No entanto, está fazendo o que é possível para atender os que estão com necessidades extremas. Em apenas duas comunidades rurais foram distribuídos cerca de trezentos cobertores, a realização do projeto foi com recurso próprio. Porém a Prefeitura de Buíque almeja que em 2018 consiga atender com um considerável aumento mais famílias carentes do município.

Prefeitura de Buíque cuida dos idosos

A sensação de entrar em um lugar que traga aconchego e acolhimento faz tão bem a saúde quanto tomar medicações prescritas. Imagine aliado a tudo isso uma boa alimentação, companhia e ocupação do tempo com boas práticas.

Todos nós sabemos as dificuldades que surgem a partir dos 60 anos, é uma idade extraordinária em experiência, mas também em muitos casos é uma idade que dali para frente trará dependências e carências. Nesse quesito, com toda a responsabilidade que uma gestão compromissada com o bem coletivo e cuidado com o próximo fez do Centro de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (antigo CCI), um lugar de referência para tantos idosos que precisam de acompanhamento. A Prefeitura de Buíque tem essa missão de cuidar das pessoas como meta de gestão.

A Prefeitura de Buíque tem essa missão de cuidar das pessoas como meta de gestão. Por isso, cerca de setenta idosos frequenta diariamente o Centro de Convivência onde são recepcionados com calor humano para realizar diversas atividades das 8h às 13hs.

Por isso, a Secretaria de Assistência Social atende cerca de setenta idosos frequenta diariamente o Centro de Convivência onde são recepcionados com calor humano para realizar diversas atividades das 8h às 13hs. Logo ao chegar é oferecido todas as manhãs um café e depois de alimentados os idosos seguem para uma divertida aula laboral com ginástica e danças. Os que não podem acompanhar o ritmo ficam interagindo com os amigos em uma espécie de pracinha dentro da própria instituição.

Em seguida, os idosos, mostram suas habilidades e experiências em jogos e artesanatos que eles desenvolvem junto aos cuidadores. Sem esquecer a saúde, uma vez por mês eles recebem a visita de um médico para fazer o acompanhamento de cada um. Lá, também tomam banho e recebem material de higiene pessoal. Também é servido além do café, um lanche e para encerrar as atividades diárias é servido um almoço farto.

O Centro de Convivência e Fortalecimento de Vínculos para Idosos é um programa da Assistência Social que tem recurso próprio e gerenciamento da Secretaria que promove, acompanha e trata com hospitalidade os usuários do serviço público municipal.

CCI-idosos (1)

Secretaria de Assistência Social de Buíque faz doação para aquecer famílias carentes

Na tarde desta sexta-feira (11) a Prefeitura de Buíque, através da Secretaria de Assistência Social, promoveu um dia festivo, pois o motivo de tanta felicidade foi a entrega de 100 colchões de casal e 1800 cobertores.

A ação chamada “Aquecendo Vidas” foi planejada e realizada com recursos próprios. Diante de tantas carências, por conta do inverno rigoroso era necessária uma intervenção para que famílias que estão passando muito frio pudessem ter um sopro de esperança em dias melhores.

De acordo com a Secretaria de Assistência Social em outra oportunidade será realizada a mesma ação para famílias da zona rural. Nesta primeira etapa foram entregues kits as famílias cadastradas das Vilas Mutirão, São José e São Benedito e ainda para algumas ruas carentes do centro. A intenção da Prefeitura de Buíque juntamente com a Secretaria de Assistência Social é ampliar o projeto para que a grande maioria das famílias carentes do município não sofram tanto os reflexos do inverno em Buíque. Para que esse objetivo seja alcançado é necessário esse olhar coletivo que a Prefeitura de Buíque dispõe aos buiquenses, sabendo da importância que tem a inclusão social,  o respeito e o cuidado com as pessoas, sem distinção.

Visualizar fotos

Secretaria de Assistência Social promove a 8ª Conferência Municipal de Assistência Social

Ontem pela manhã Governo Municipal, Vereadores e Lideranças marcaram presença na 8ª Conferência Municipal de Assistência Social. Com uma programação extensa, a Secretaria de Assistência Social viabilizou um dia produtivo que teve início com a leitura do Regimento Interno, em seguida formação da mesa, apresentação cultural e seguiu com a Palestra Magna e grupos de trabalhos pela manhã. Já no período da tarde, após o almoço servido, houve a apresentação e aprovação das propostas dos grupos de trabalho, apresentação das moções, seguindo com a Eleição dos delegados para a Conferência Estadual e no final da tarde o encerramento com a alegria do dever cumprido.

A 8ª Conferência Municipal de Assistência Social foi presidida pela Vice- Presidente do CMAS (Conselho Municipal de Assistência Social), na oportunidade houve momentos de discussões e deliberação. Os delegados credenciados tiveram direito a voto. As propostas de deliberação construídas pelos Grupos de Trabalho serão apreciadas e votadas pelos delegados, afim de que ao final sejam encaminhadas para a sistematização pelo ente estadual.

A 8ª Conferência Municipal de Assistência Social foi convocada com base na resolução nº 10 de 10 de Junho de 2017 com o tema: “Garantia de Direitos no Fortalecimento do SUAS” e organizado em quatro eixos que vão desde A proteção social até a Legislação como instrumento para uma gestão de compromissos.
Os primeiros passos que a Prefeitura de Buíque, através da Secretaria de Assistência está dando em busca dos Deveres e Direitos Sociais, é o início do crescimento e da responsabilidade que chama para si como agente transformador das mais complexas condições sociais que os buiquenses enfrentam.

Emoção e acolhimento marcam a Visita Pastoral de Dom José Luiz em Guanumby e Tanque

Acompanhado por integrantes da Igreja São Félix de Cantalice e do Governo Municipal, Dom José Luiz Ferreira Salles foi até o Distrito de Guanumby e Tanque durante a Visita Pastoral. Fiéis e Cristãos receberam as comitivas em suas casas e nas principais avenidas até chegar na Igreja.

Com muita emoção, acolhimento e alegria, o Bispo conheceu de perto as comunidades buiquenses. A programação da Visita Pastoral está marcada para acontecer do dia 16 ao dia 23 de julho. Durante toda a semana os mais diversos setores e localidades receberam com alegria o Pároco Luiz Benevaldo e o Bispo Diocesano. O encerramento de todo o ciclo está marcado para o dia 23 de julho com uma missa na Matriz São Félix de Cantalice, às 19hs.

Por dia a comitiva conseguiu ir a mais de três lugares diferentes. As Secretarias de Saúde, Educação, Agricultura, Meio Ambiente, Mulher e Juventude tiveram encontros especiais com o Bispo. Pois, essas são as áreas onde a igreja desenvolve mais projetos sociais.

Em forma de acolhimento todas as comunidades que fizeram parte do programa tiveram a imensa satisfação em participar do momento. Buíque é um município extenso e o Bispo prometeu voltar para visitas específicas, segundo ele Buíque é uma cidade muito bonita e dimensões extraordinárias, que durante sua Visita conseguiu ouvir os anseios do povo e que intermediará onde for preciso para que os Governos atendam as necessidades dos mais carentes.

Secretaria de Saúde de Buíque apresenta para o Bispo Diocesano as ações realizadas nos últimos meses

Durante essa semana em sua Visita Pastoral, o Bispo Diocesano Dom José Luiz Ferreira Salles percorreu vários setores da Prefeitura de Buíque para uma conversa, onde teve a  oportunidade de ver as ações feitas pelos órgãos nos últimos meses. Buíque recebeu calorosamente a visita e em gratidão a atenção, orações e palavras de conforto, os setores apresentaram a Dom José Luiz um balanço do que já foi feito pelo município.

Essa Visita Pastoral só vem fortalecer as equipes, pois diante da grande transformação que Buíque está vivendo, a correria dos trabalhos faz com que muitos profissionais não tenham um tempo para uma reflexão profunda da importância do seu trajeto. Nessa intenção, o encontro com a Secretaria de Saúde foi fundamental para que sensibilizados os profissionais da área se destaquem no que fazem de melhor, cuidar da saúde do povo e principalmente do mais carente.

Dom José Luiz Salles ressaltou a importância de sua visita, dizendo que o Bispo tem que sair para uma visita as comunidades, onde lá se ouve os anseios do povo de Deus e que ele só pode sentir no coração o que vê e ouve. Dessa forma agradeceu aos profissionais presentes, aos Gestores e desejou um trabalho mais humanizado. Segundo o Bispo, a cura humana por vezes vem através do trabalho humanizado, pois os médicos, enfermeiros e técnicos estarão trabalhando nas fragilidades humanas. Portanto, a atenção e dedicação confortam tanto quanto a medicação. Ele acredita que muitos estão com doenças da alma.

A Secretaria de Saúde apresentou os índices de melhoras na Saúde do município que até então se encontrava nos últimos patamares. Agora Buíque começa a apresentar sinais de melhoras segundo os números apresentados pela Geres.

APAE recebe a Visita Pastoral do Bispo

A pureza de uma criança aliada ao entusiasmo é um momento emocionante de se ver.  Assim foi recebido o Bispo Diocesano Dom José Luiz Salles na APAE Buíque. Uma visita acolhedora e ao mesmo tempo renovadora se deu com orações e cantigas.

Alunos portadores de necessidades especiais celebravam a visita com olhos brilhantes e sorrisos contagiantes. Certamente, era a transmissão das melhores energias, de tudo o que recebem na instituição.

A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) é uma associação em que, além de pais e amigos dos excepcionais, toda a comunidade se une para prevenir e tratar a deficiência e promover o bem estar e desenvolvimento da pessoa com deficiência. As APAEs tem como principal missão prestar serviços de assistência social no que se diz respeito a melhoria da qualidade de vida da pessoa com deficiência, conscientizando cada vez mais a sociedade.

Tudo isso é possível através do empenho de uma equipe comprometida pelo bem social. A Prefeitura de Buíque, através da Secretaria de educação, apoia a APAE para que mais buiquenses tenham direitos preservados e que crianças com deficiência tenham mais oportunidades e uma melhor qualidade de vida.

Portanto, neste dia 18 de julho a visita do Bispo só trouxe ânimo para tantas mães que lutam diariamente com as limitações e desafios que encontram no dia-a-dia com suas crianças. De acordo com Dom José Luiz é necessário que os Bispos visitem essas instituições para que possam se aproximar das necessidades e ouvir o povo de Deus.

Secretaria de Assistência Social comemora os 27 anos do Estatuto da Criança e Adolescente em Buíque

Na tarde desta terça-feira (12) a Secretaria de Ação Social promoveu um encontro com crianças e adolescentes no Espaço de Convivência. Lá, cerca de 110 crianças participam do projeto onde são oferecidas oficinas de artes, reforço escolar e alimentação.

A assistente social e a psicóloga do CREAS explanaram sobre o ECA – Estatuto da Criança e do Adolescente, apresentaram o livro com as normas e ouviram atentamente sobre o conhecimento de cada criança sobre os seus direitos e deveres.

No auditório, as crianças prestaram bem atenção ao vídeo ilustrativo e interativo sobre as questões que cercam os pequenos no âmbito comunitário e familiar. Aprenderam mais sobre a importância de estudar, cuidar da saúde e receber o apoio do Conselho Tutelar do município que também esteve presente.

Trabalhando em parceria com o CCI, profissionais se dedicaram em passar uma tarde agradável com as crianças. Ensinando que o desempenho escolar está diretamente ligado aos direitos e deveres apresentados no ECA. Dessa  maneira, as crianças se sentem mais seguras, orientadas e felizes na comunidade. A Prefeitura de Buíque está presente em vários órgãos que cuidam da Saúde e bem estar das crianças do município, principalmente em relação ao social.

Visualizar fotos

Buíque é solidário e evento promovido pela Secretaria de Assistência Social arrecada cerca de uma tonelada de alimento

Mesmo com uma semana cheia de compromissos, a Secretaria de Assistência Social da Prefeitura de Buíque promoveu uma ação beneficente para ajudar famílias carentes atingidas pelas recentes chuvas em Buíque. Na última sexta (02), a solidariedade falou mais alto.

Com a presença do Kiko da Turma do Chaves, o convite foi feito nas escolas do município, a fim de conseguir movimentar e disseminar o show beneficente em apenas dois dias. Certamente, foi um trabalho prazeroso, já que o intuito seria a arrecadação de alimentos não perecíveis.

Todos puderam se divertir com o Kiko, Chaves, Frozen e o Luan Santana Sósia na Quadra da Escola Técnica Cyl Galindo. A quantidade de crianças, jovens e os responsáveis já indicava que seria uma grande festa.

As crianças adoraram as brincadeiras do Kiko, mas os adolescentes se divertiram muito com o show de Luan Santana Sósia. Numa tarde muito divertida a solidariedade foi imensa, quando os organizadores constataram que cerca de uma tonelada de alimentos havia sidos doados. Buíque é um município muito generoso, sempre é um exemplo de partilha. Para os alunos essa lição de doação vai além das salas de aula. Na prática centenas de crianças aprenderam que doar é um ato de amor e solidariedade. Mais uma vez, A Prefeitura de Buíque, agradece a todos os buiquenses que puderam estar presente, apoiando um evento beneficente desse porte.

Visualizar fotos